papo_delas_logo

SIGA O PAPO NOSSO CANAL /PAPODELAS
sem_filtro

Como aumentar a Libido

Libido é como convencionalmente é chamado o desejo sexual, este que é algo inerente ao instinto do ser humano. Contudo, ele pode ser influenciado por diversos fatores durante a vida, sejam eles físicos e/ou emocionais.

Nas mulheres, o hormônio que controla a libido é o estrogênio, que é produzido pelos ovários e liberado na primeira fase do ciclo menstrual. Normalmente, as mulheres tem a libido consideravelmente aumentada durante o período fértil. Para aumentar a libido, é necessário saber qual a causa de sua falta. Algumas possíveis são:

  • Traumas emocionais
  • Uso da pílula anticoncepcional
  • Ansiedade e depressão
  • Alto grau de estresse
  • Menopausa
  • Dor durante a relação sexual

Em casos como traumas emocionais, o ideal é procurar o tratamento com um terapeuta para que os problemas sejam tratados da forma como se deve e assim conseguir aflorar o desejo sexual.

Quando é o uso de pílulas anticoncepcionais que estão atrapalhando o apetite sexual, o recomendado é a troca do medicamento ou do próprio método contraceptivo. Sobre a ansiedade e depressão, quando o paciente está em tratamento é comum a queda da libido e na maioria dos casos, o(a) parceiro(a) sexual deve ter paciência para esperar um quadro de melhora, sem insistências ou tentativas recorrentes de resolução, pois estas podem agravar ainda mais a situação psicológica do paciente.

Sobre casos em que a falta de desejo sexual advém de dores na própria relação com o(a) parceiro(a), deve-se investir na lubrificação antes do ato em si, para que o mesmo possa ser mais prazeroso e não uma situação de desconforto.

Porém, quando a falta de libido não é proveniente de casos patológicos, existem algumas formas naturais (não comprovadas cientificamente) de aumentá-la. Temperos como pimenta-vermelha, alecrim, manjericão, cravo da índia, canela e mostarda são considerados afrodisíacos e estimulam a sensibilidade dos órgãos sexuais.

Foto: Reprodução

Também existem exercícios que podem ajudar na libido, são eles:

1 – Exercícios de Kegel: tonificam a musculatura da região íntima e aumentam a irrigação sanguínea. Para praticá-lo, basta contrair os músculos da região pélvica, um tipo de movimento de sucção com a vagina.

Foto: Reprodução

2 – Exercícios aeróbicos e de fortalecimento de pernas e glúteos: estes exercícios aumentam a circulação sanguínea, aliviam o estresse e fortalecem a região inferior do corpo.

3 – Alongamentos: alongar promove uma maior flexibilidade no corpo e ajuda a liberar a tensão do corpo.

4 – Pompoarismo: através de movimentos de contração e relaxamento dos músculos do assoalho pélvico, a técnica permite uma melhora significativa da sensação de prazer sexual.

Existem muitas formas de resolução, mas o importante é sempre estarmos atentas aos sinais do nosso corpo para que a nossa saúde sexual esteja sempre em dia.

Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.