papo_delas_logo

SIGA O PAPO NOSSO CANAL /PAPODELAS
sem_filtro

O maiô é a nova camiseta

De minimalista a extravagante. Já faz tempo que os maiôs ganharam versões ousadas, muito diferentes daquelas que lembram vovós na praia ou aulas de natação. Com cortes, recortes, amarrações e estampas modernas, a peça galgou posições no guarda-roupa da mulher contemporânea: primeiro, deixou de ser só roupa de banho, saiu da praia e deu as caras nos blocos de carnaval; depois, despontou nas baladas descoladas em que se pode (e deve) ousar; até que, por fim, reinventado e com todo tipo de design, ficou de vez no armário, passando a frequentar do carnaval a festas e jantares sofisticados. O maiô virou um coringa — a nova camiseta.

A seu favor está a versatilidade. Tem maiô sensual, que deixa ver o ladinho dos seios ou as costas inteiras. E tem também maiô de gola alta, maiô de manga longa, maiô com amarrações que podem cobrir mais que camiseta ou deixar um longo decote à mostra.  Em comum, todos têm o shape justo. Funcionam como um reforço na autoestima, já que existem modelos para todos os tipos de corpos. Não estranhe se eles começarem a se proliferar no seu guarda-roupa a ponto de desbancar a gaveta das camisetas. Afinal, a lista é longa: tem maiô pra piscina, pra balada, pro carnaval e pra eventos de tapete vermelho.

Com tanto lugar pra ir, a peça passou a ocupar araras de diversas marcas. Separamos algumas de cantos variados do Brasil e estilos diversos.

Maiô fica, caretice sai.

IARA

Com muita cor, decotes e recortes, os maiôs IARA viraram “peças-desejos”. A grife baiana nasceu de forma despretensiosa em 2015. “Um dia, nós duas estávamos conversando e decidimos criar uma marca de beachwear, para fazer uma coleção de maiôs que fosse a nossa cara”, contam as irmãs Pamela e Camila Lucciola. Os maiôs IARA têm a malemolência do verão da Bahia misturada com muita sofisticação. A produção é artesanal e cada maiô tem um nome. modelagem é P, M e G.

> Onde comprar:Instagram da Iara e por e-mail euqueroiara@gmail.com

> Preços: de R$ 189 a R$ 198

Foto: Reprodução

LELÊ BARBIERI

Foi no intervalo entre uma produção de filme e outra que a figurinista paulistana Lelê Barbieri, apaixonada por maiôs, arriscou produzir uma pequena coleção. “Produzi três modelos e um total de 14 maiôs. Mostrei para as amigas mais próximas e, no mesmo mês, atendendo a pedidos, fizemos 70”, ela diz. A marca se destaca pela modelagem elaborada e versatilidade das peças: algumas são dupla face o que permitem ter cores ou estampas diferentes na mesma peça. E tem também os maiôs de amarração, que podem ser usados de várias maneiras. Lelê criou também uma coleção exclusiva para o carnaval, com muito paetê, franjas, estampas e inspirações que vão de David Bowie à Tropicália.  A modelagem é P, M e G.

> Onde comprar: No site da Lele e durante dezembro/2017 e janeiro/2018, na loja de verão no MECASpot, em Pinheiros (SP)

> Preços: de R$ 220 a R$ 320 coleções de Verão e de R$ 180 a R$ 410 peças de carnaval

Foto: Reprodução

BAMBINA BEACHWEAR

Karolina Bueno e Déborah Vinci têm dez anos de experiência na área de moda. Dois anos atrás elas criaram a Bambina, uma marca de moda praia plus size que flerta com o “retrô-moderno” e traz modelos que valorizam as curvas.  

A grade de tamanho é ampla: vai do 46 ao 60. Para as estilistas de Curitiba (PR), a modelagem é um ponto chave: “Estamos sempre estudando e pensando em como deixar a peça confortável e evidenciar as curvas naturais do corpo com sustentação”, diz Déborah. A marca também  tem biquinis.

> Onde comprar: No site da Bambina ou loja online da Flaminga e da C&A.

> Preço: de R$ 159 a R$249

Foto: Reprodução

ARIZONA SWIMWEAR

Menos (quase sempre e ainda) é mais. Minimalista, moderna, cool e urbana: é assim que Eduarda Morandi, de Vitória (ES), define sua marca de moda praia. A Arizona Swimwear namora o conceito slow fashion, por isso a estilista não trabalha com coleções. “Todas as peças são lançadas aleatoriamente, de acordo com o que a gente acha que pode agregar valor para a vida das pessoas”, conta. Além da versatilidade desse estilo mais clean e atemporal, as peças não têm elástico nem na bunda nem no quadril. “Todas foram feitas pra vestir sem apertar e para criar o máximo de conforto”, diz.  A modelagem é P, M e G.

> Onde comprar: No site da Arizona Swimwear

> Preço: de R$ 120,90 a R$ 219,90

Foto: Reprodução

 

FOR ALL TYPES

Caimento perfeito para todos os corpos: assim são as peças da For All Types, que nasceu em 2015, quando a estilista Bianca Reis, de Curitiba (PR), decidiu que teria uma marca de lingerie e moda praia que fizesse tamanhos a partir do 48, sem limite máximo. “Eu simplesmente segui as minhas necessidades e vontades enquanto cliente, já que não encontrava peças para mim que não fossem incômodas e apertadas”, diz. O site da marca conta com uma tabela de tamanhos com medidas diferentes de costas e busto para o modelo ter sempre um caimento perfeito.  

> Onde comprar: No site da For All Types

> Preço é de R$ 159 a R$ 250

Foto: Reprodução

NEGOÇADA

Feminismo, carnaval e o orgulho de ser mulher. A marca carioca Negoçada foi criada pelas estilistas Layana Thomaz e Maíra Nascimento, em 2016, com o intuito de dar visibilidade e voz às mulheres no carnaval – época em que o assédio é sempre grande. As peças ousadas e superautorais trazem bordados com desenhos de útero e frases como “Poder feminino” e “Feminismo”. “Temos como objetivo o empoderamento dos corpos, fazer a mulher se sentir livre, bonita e dona de si” diz Layana. Os modelos da Negoçada são originais, engajados, descolados e feitos pra você arrasar no carnaval e no ano todo. A modelagem vai do PP ao GG.  

> Onde comprar: No Instagram da Negoçada e pelo e-mail negocada.carnaval@gmail.com

> Preço é de R$ 280 a R$ 350

Foto: Reprodução

AHAZANDO

Os estilistas cearenses Zé Filho e Gabriela Albuquerque se conheceram quando eram estudantes de moda e, cinco anos atrás, criaram a Ahazando. Com estilo tropical e muita brasilidade, a marca prega a diversidade: “Criamos para os da beira da praia e os criados no asfalto.” Todo o desenvolvimento das estampas e das peças é pensado de forma que represente a marca e seus consumidores: “O processo criativo é muito gostoso, muito certeiro. A gente sabe exatamente o que o nosso cliente quer”, diz Gabriela. A modelagem é P, M e G.

> Onde comprar: No Instagram da Ahazando e na loja física na Av. Monsenhor Tabosa, 1171 – Meireles, Fortaleza, Ceará

> Preços: de R$120  a R$ 280

Foto: Reprodução

Fonte: Hysteria

Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.