Quase 100 atrações gratuitas no Fuzuê e Furdunço esse fim de semana

O Fuzuê e o Furdunço levarão 96 atrações para o pré-Carnaval de Salvador, que acontece no sábado e domingo (dias 3 e 4), no Circuito Orlando Tapajós, com saída na altura do antigo Clube Espanhol. Gratuitos, sem cordas, com pranchões ou trios menores e bem mais próximos do público, os movimentos visam resgatar a alegria dos antigos carnavais de rua, com atrações como Tio Paulinho, Alavontê, Batifun e Armandinho.

Uma mistura de sons e ritmos estarão presentes nestes dois dias de folia e a estimativa é que mais de um milhão de pessoas participem do pré-Carnaval. O objetivo da gestão municipal é reunir as famílias, num clima que relembra os antigos carnavais de rua, também com a apresentação de grupos culturais.

Fuzuê – Com 32 atrações, o Fuzuê, movimento que nasceu há três anos, vai desfilar no chão, sem cordas e sem veículos, com bandas de sopro, percussão e batucada, no sábado (3), com início previsto às 16h. Pela primeira vez no Fuzuê, Tio Paulinho, que vai abrir a folia, comemora mais um espaço para as crianças e garante que não vai faltar animação.

“Esse projeto é muito bacana e eu estou feliz em participar. Me senti honrado e lisonjeado, principalmente em poder levar mais um espaço para as crianças. Estaremos com muitos personagens, com uma bandinha e vamos comemorar também no Fuzuê os 25 anos do bloco Happy. A certeza que tenho é que vamos levar muita alegria para a rua”, destaca, empolgado, Tio Paulinho.

A tarde segue com as apresentações de Oficina de Frevos e Dobrados, Bloco de Aleitamento Materno, Grupo Cultural Mandu, Grupo Folclórico Zambiapunga, Burrinhas de Taperoá, Careta Tradicional de Acupe, Caretas de Cairu, Grupo Folclórico Gongos Congos de Cairu, Ed Bala e Fanfarra Mágica, dentre outras.

Furdunço – No domingo (4), o Furdunço começará também às 16h, no Circuito Orlando Tapajós com pelo 40 atrações no pré-Carnaval. Como co-criadores do movimento, o Alavontê vai desfilar mais uma vez com o pranchão. “Participamos do movimento desde que ele ainda era embrião”, lembra Ricardo Chaves, do Alavontê. Ainda de acordo com ele, a ideia é levar o público para as ruas, “reinventando o Carnaval”.

Pela terceira vez desfilando no Furdunço, a banda Batifun promete levar muito pagode para os foliões. “Essa é uma oportunidade de tocarmos para um grande público, para quem nos acompanha, quem curte samba e para aqueles que não podem ir a um show nosso. Vamos tocando o que o público pede, nosso repertório é comandado pelo público”, diz um dos integrantes do Batifun, Júnior Luiz.

São aguardados os desfiles de Wilson Café, Jau, Armandinho, Dodô e Osmar, Bailinho de Quinta, Duas Medidas, Batifun e BaianaSystem, que tradicionalmente encerra a noite dos pré-carnavalescos. O Furdunço também volta a ocorrer no dia oficial da abertura do Carnaval, na quinta-feira (8), no Circuito Dodô (Barra-Ondina), com mais 24 atrações.

Input your search keywords and press Enter.