papo_delas_logo

SIGA O PAPO NOSSO CANAL /PAPODELAS
sem_filtro

Revitalização da Praça da Inglaterra tem 30% da obra concluída

Tapumes de pé, estrutura antiga demolida, solo terraplanado e pavimentado para colocação de pedras portuguesas. Com 30% das obras concluídas, a Praça da Inglaterra, no Comércio, é mais um espaço público revitalizado pela Prefeitura. A intervenção é realizada por meio da Superintendência de Obras Públicas (Sucop), autarquia vinculada à Secretaria de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra).

A reforma integra as novidades anunciadas durante a celebração do 469º aniversário de Salvador, em março este ano, e tem conclusão prevista para este semestre. Na ocasião, foram lançados nove editais de requalificação urbana, com custo estimado em R$ 51,7 milhões e projetos urbanísticos sob a responsabilidade da Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF).

No cronograma previsto até a conclusão da obra constam ações como pavimentação asfáltica, remoção de postes de concreto e instalação de meio-fio. Também serão promovidos adequação do sistema de drenagem com tubos de concreto para rede coletora, implantação de lastro em concreto magro, canaleta de concreto, grelha de ferro fundido e boca de lobo construída em alvenaria.

Foto: Jefferson Peixoto

Obra 

O trabalho com utilização de pedras portuguesas brancas e pretas resultará em uma via de pedestres, que contará também com piso tátil direcional, iluminação decorativa em LED, poste de aço galvanizado e projetor em LED para iluminação cênica do monumento em homenagem a J. J. Seabra. Além disso, serão implantados bancos de parque com e sem encosto, balizador em concreto, lixeira em aço galvanizado, bicicletário e elementos de paisagismo.

A intervenção compreende ainda a retirada da plataforma no entorno do monumento, assim como a criação de um jardim no nível do piso da praça, que vai eliminar a barreira para acessibilidade nos arredores do monumento e liberar o fluxo de passagem. Toda vegetação, composta de árvores e palmeiras imperiais, serão preservadas.

Será criada também uma faixa elevada na Avenida Estados Unidos, no intuito de facilitar o acesso das pessoas e reforçar a articulação sensorial das duas partes da praça. Dessa forma, o local funcionará como regulador da velocidade dos veículos que circulam na avenida, dentre outras intervenções. A Praça possui 2,9 mil metros quadrados de área e está localizada entre as avenidas da França, Estados Unidos e Miguel Calmon. Foi urbanizada no início do século XX, com o aterro da área do Porto, e é uma extensão à frente do antigo Morgado de Santa Bárbara.

A revitalização do local é parte do projeto de urbanização do Comércio, que visa buscar soluções para a mobilidade local e a integração dos espaços com as diversas atividades existentes. O projeto de requalificação da praça tem como objetivo restabelecer a conexão com as principais vias do bairro, garantindo conforto e segurança para pedestres e frequentadores da região, além de um local para descanso e encontros sociais.

Fonte: Secom

Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.