papo_delas_logo

SIGA O PAPO NOSSO CANAL /PAPODELAS
sem_filtro

Saiba as diferenças entre gozar e ter um orgasmo

Você sabia que os acontecimentos do sexo não eram iguais?

Vamos tirar todas as dúvidas sobre as diferenças entre gozar e ter um orgasmo. Sim! Você pode ter um orgasmo e não gozar — e vice-versa. Nos dois casos, a mulher sente prazer, mas de formas diferentes. Para conseguir gozar é preciso estimular a região da uretra, que fica muito próxima ao clitóris. São muito parecidos, mas diferentes.

ORGASMO X GOZAR

Gozar se refere à ejaculação feminina, a expulsão de líquido ejaculatório da uretra. Já o orgasmo é caracterizado por intenso prazer físico, controlado pelo sistema nervoso involuntário ou autônomo. Acontece quando existe um estímulo físico, que dispara para o cérebro um gatilho que libera uma explosão de hormônios para seu corpo e que provoca sensações muito prazerosas, seguidas de um relaxamento profundo.

Foto: Reprodução

COMO SABER SE GOZOU

Algumas mulheres que gozam durante as relações sexuais afirmam que a sensação é que estão urinando acidentalmente durante o sexo. No entanto, a verdadeira ejaculação feminina é diferente da urina em seu mecanismo físico, pelo qual os fluidos são liberados. Esse tipo de fenômeno geralmente não ocorre na maioria das mulheres.

OS TIPOS DE ORGASMOS

Os dois tipos mais comuns são os orgasmos clitorianos e vaginais. A fisiologia é praticamente a mesma, tanto a vagina quanto o clitóris são áreas repletas de terminações nervosas que, se estimuladas da maneira correta, podem provocar muito prazer e, consequentemente, o orgasmo feminino.

A maioria das mulheres aprende a se estimular e a se masturbar fricção clitoriana, e acabam deixando de lado a estimulação vaginal — feita durante a penetração. Por isso, a maior parte da população feminina tem mais facilidade em alcançar o orgasmo clitoriano, já que o órgão fica um pouco mais exposto, o que facilita a manipulação.

Fonte: Cosmopolitan

Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.